A estação de tratamento de Mouscron, de uma capacidade nominal de 100 000 EH, foi comissionada a 22 dezembro 2001.

Funciona segundo o princípio da lama activada em carga fraca, com nitrificação/ desnitrificação e defosfatação.

As águas usadas pré-tratadas são nitrificadas e denitrificadas por dois canais de aeração/anoxia precedidos de uma bacia anaérobia.

Cada reactor biológico tem a sua própria linha de água distinta com o seu clarificador dedicado.

Para além da assimilação biológica, os fósforo é eliminado por precipitação com cloreto férrico.

A missão confiada à TPF-Utilities compreende os estudos seguintes:

  • Estudos preliminares e de anteprojecto: determinação do número equivalente de habitantes a retomar pela estação, dimensionamento da estação, estimativa do custo de investimento e dos custos de operação), …
  • Elaboração do caderno de encargos, ou seja, as cláusulas administrativas, as cláusulas gerais de engenharia civil e electromecânica (para as estações de bombagem), as cláusulas técnicas particulares e os anexos (ficha de submissão, quantidades a preencher, …).
  • Análise das propostas dos proponentes e elaboração do relatório de adjudicação.
  • Direcção dos trabalhos: acompanhamento do planeamento, verificação da boa execução dos trabalhos, aprovação dos relatórios de progresso e de contagem final, …

Cliente

Intercommunale de Propreté Publique du Hainaut Occidental (IPALLE)

Datas do Projeto

1995 – 2001