Reformado em 1918, o porto do Recife é um marco na histórica econômica de Pernambuco, desde o Brasil colônia

A administração do porto, observando a inserção daquela infraestrutura na zona urbana da cidade do Recife, verificou a necessidade de reposicioná-la no mercado, identificando suas novas vocações. Nesse sentido, a TPF ENGENHARIA (anteriormente Projetec) foi contratada para elaborar o Plano de Desenvolvimento e Zoneamento do Porto do Recife, revendo então as diretrizes estratégicas, propondo uma redistribuição de áreas e a implantação de novos empreendimentos.