A nova sede do grupo Marrocos Telecom, uma torre em vidro, projectada para ser uma montra que representa a experiência e perícia do operador de telecomunicações histórico no Reino, integra tecnologias que permitem uma adequada eficiência energética..

O estúdio de arquitectura parisiense Jean-Paul Viguier em colaboração com o arquitecto Omar Kobbité foi seleccionado, na sequência de um concurso internacional, para a concepção de uma torre com 23 andares para habitação, um Auditório e um Museu de Telecomunicações.

Vários factores foram levados em consideração ao erguer este edifício imponente: a redução do consumo de energia, gestão optimizada da água, conforto térmico e acústico, e segurança.

A torre de vidro – construída ao longo de 20 andares e servida por 13 elevadores – tem áreas para escritórios, uma sala de espectáculos, um museu e um restaurante, um auditório com 2.500 m2, com capacidade para 600 pessoas, utilizado (quando necessário) para banquetes e cocktails, e um jardim que liga a Torre ao Auditório e Museu das Telecomunicações.

Cliente

Maroc Telecom

Datas do Projeto

Conclusão: Junho 2013

Parceiros

Arquitectos: Jean Paul VIGUIER / Omar KOBITTE

Valores chave

Valor da Obra: 125 M€