A Estação Intermodal reúne os diferentes modos de transporte com paragem na Plaza Elíptica. O objecto do projecto é minimizar o tempo de acesso dos autocarros à estação e os tempos de ligação entre os modos de transporte, tendo como resultado a redução do tempo total de viagem da cadeia de transportes modais.

A nova Estação Intermodal na Plaza Elíptica está situada na área sudoeste da cidade de Madrid.

Os diferentes modos de transporte envolvidos na Estação Intermodal são: os autocarros interurbanos que acedem à cidade através da autoestrada A-42 e a Vía Lusitana Av., os autocarros urbanos que param na área circundante da Plaza Elíptica e as duas linhas de Metro L -6 e L -11, que têm estações junto à praça.

 A Estação Intermodal tem três níveis subterrâneos com 20 áreas de estacionamento para autocarros interurbanos e estão disponíveis paragens para autocarros urbanos.

A nova Estação Modal integra as linhas 6 e 11 do Metro de Madrid e tem áreas comerciais que contribuem para o financiamento da construção e a operação da Estação Intermodal.

Ela tem túneis de acesso para autocarros em dois níveis, com comprimento superior 600 m, que reduzem o tempo de acesso à Estação Intermodal, evitando as áreas principais de congestão do trânsito.

Também tem uma área de estacionamento para os autocarros vazios e um sistema de rampas que permitem a comunicação entre os diferentes níveis e entradas/saídas, intercambiáveis, com as duas estradas principais A-42 e Via Lusitana.

O projecto inclui o desenho final de todos os elementos, infraestrutura, arquitectura, todos os tipos de sistemas e instalações, mobiliário, etc.

Cliente

Municipalidade de Madrid

Datas do Projeto

2004

Parceiros

GTT Ingeniería

Valores chave

  • Valor do contrato :  410.346,28 €
  • Valor do construção : 43 milhões de euros