O objectivo do estudo é desenhar uma instalação com carácter polivalente e integrado, para facilitar a intermodalidade do transporte ferroviário-rodoviário. A estação actual de Vicálvaro, qua actualmente funciona como centro de recepção/expedição e regulação das circulações ferroviárias, será completamente renovada e será desenhado um centro dedicado ao transporte intermodal.

A estação actual de Vicálvaro está dedicada à recepção/expedição e regulação de circulações ferroviárias. Originalmente foi concebida como um depósito de classificação de vagões, com três depósitos (recepção, classificação e expedição) colocados uns atrás dos outros. Esta configuração, que corresponde à funcionalidade prevista, não se adapta aos requisitos actuais do transporte de mercadorias.

O projecto aborda uma remodelação completa da estação, para a converter num centro logístico dedicado ao transporte intermodal. Planeia-se que a actual estação de contentores de Abroñigal seja transferida para o novo terminal de Vicálvaro.

Os trabalhos efectuados são:

  • Análise da situação actual
  • Estudo das necessidades
  • Proposta de alternativas de desenho e análise Multicritérios
  • Estudo funcional detalhado (inspecção geológica, topográfica, desenho do complexo de mercadorias, análise de capacidade, tanto das vias férreas como dos contentores, processo faseado, avaliação económica)

A solução proposta, que será implementada em quatro fases, está dividida em três depósitos, uns atrás dos outros. A área logística, colocada no depósito central, está igualmente dividida em duas áreas (Este e Oeste). Cada uma destas duas áreas tem quatro vias férreas com um guindaste de pórtico.

Os depósitos técnicos estão situados nas duas extremidades da estação. Cada um dos depósitos tem 18 vias férreas.

Além dos depósitos principais, foram planeados outros depósitos dedicados ao estacionamento de locomotivas, vias férreas de manobra ou vias férreas principais.

Cliente

ADIF (Administração das Estruturas Ferroviárias)

Datas do Projeto

2011

Valores chave

Valor do contrato: 215.700,00 € (18% IVA incluído

Avaliação económica estimada (solução completa): 356.62 milhões de € (18% IVA, incluída a aquisição de terras)