O Corredor ferroviário da Costa do Sol unirá as principais localidades turísticas do litoral mediterrâneo de Andaluzia. Trata-se de uma nova linha de altas prestações para interligar as principais localidades da Costa do Sol e por sua vez com o corredor de alta velocidade Madrid-Córdoba-Málaga.

O objecto do projecto foi a concepção e definição completa da infra-estrutura, superestrutura, instalações, arquitectura das estações e elementos de segurança, sinalização e comunicações da linha de altas prestações entre as localidades de San Pedro de Alcântara e Estepona. As principais limitações do projecto foram a falta de espaço devido aos centros urbanos densamente povoados e a proximidade ao mar.

As principais características do troço são:

  • Comprimento: 17,2 km de via dupla
  • Tipo de via: via em lage de betão e via convencional sobre balasto
  • Comprimento do túnel: 36,97 km
  • 1 Viaduto de ramal técnico sobre o rio Padrón: 106,55 m de comprimento em 3 vãos (28,28+50+28,28). Estrutura metálica de secção em U e de canto variável. Fundação profunda.
  • 4 Estações, todas subterrâneas:
  • Oficinas e garagens da linha com o seu equipamento.
  • Projecto de electrificação: 1×25 kV a 50 Hz.
  • Projecto de instalações ferroviárias: sistema de protecção de comboios segundo a norma europeia ERTMS/ETCS nível 2 (GSM-R)
  • Instalações não ferroviárias: instalações e equipamento de estações, oficinas e garagens. Anel de média tensão em 20 kV com postos de transformação 20/0,4 kV. Rede de comunicações e comando remoto de todo o troço.

Cliente

Junta de Andalucía

Datas do Projeto

2012

Parceiros

TYPSA (25%)
PROSER (25%)
PAYMACOTAS (25%)

Valores chave

Valor da obra : 5.061.650 €
Valor da construção: 1.417.298.251 €