Serviços de assistência para o controlo das obras de plataforma do Novo Acesso Ferroviário de Levante. Troço: Crevillente - San Isidro. Comprimento do troço: 7 km.

O comprimento total desta linha de alta velocidade é de 7.279,487 metros. Ao início da secção, para além da plataforma da linha de Alta Velocidade, são construídos os ramais da plataforma para ligar a linha ferroviária de Torrellano assim como dois reposicionamentos que permitirão a manutenção da actual linha ferroviária Alicante-Murcia, a qual se vê afectada pela nova plataforma em vários pontos, já que os seus traçados são paralelos e se unem em alguns pontos. Estes reposicionamentos ferroviários incluem tanto a plataforma como a superestrutura e os sistemas de exploração. Além destas infraestruturas, será construída a nova plataforma da futura estação de Albatera – Catral, mantendo em serviço a linha actual. Desta forma, é necessária a construção de um edifício de passageiros junto ao actual (que será demolido), para permitir a ampliação da plataforma e manter o trânsito de passageiros dentro da estação. Devido ás ocorrências do caminho entre as linhas atuais e futuras juntamente com os efeitos sobre outras infra-estruturas, é necessário construir um importante número de estruturas. Em particular, foi projetado um viaduto de 1.825 m longo, bem como uma estrutura de ponte de 220 metros de comprimento, 3 viadutos e 2 passagens inferiores e 414 metros lineares de muros de altura compreendida entre 3,00 e 4,25 metros. Para resolver a drenagem da área serão construídas 63 obras de drenagem.

Cliente

ADIF

Datas do Projeto

2009 – 2013

Valores chave

Valor do Contrato: 3.142.929 €